Carnes nobres: conheça 7 mitos e verdades sobre os melhores cortes

Carnes nobres são muito famosas para quem ama cozinhar, comer bem e, é claro, aproveitar um bom churrasco. No entanto, existe muita gente (inclusive pessoas que fazem churrasco todo o fim de semana) que, mesmo sem nunca ter provado, cria diversos tipos de teorias sobre elas. E é aí que mora o perigo: teorias, quando não colocadas em práticas, podem transformar algo inverídico em uma certeza absoluta.

Mas afinal, o que é ou não verdade sobre carnes nobres? O que pode ou não ser levado como certeza? Para responder essas e outras questões, separamos 7 mitos e verdades para desmistificar os fatos existentes sobre carnes Premium. Confira a seguir!

  1. Cortes Premium são difíceis de achar – MITO

Depende do local que você for procurar. Atualmente, existem açougues especializados nesses tipos de peças, assim como mercados e frigoríficos. Nessa onda, uma tendência atual são os clubes de assinaturas especializados em carnes nobres para churrasco, como a Sociedade da Carne, que oferece ao consumidor uma grande variedade desses produtos, no conforto de casa.

  1. Esse produto é só para quem tem muito dinheiro – MITO

Por serem de difícil acesso e terem uma qualidade superior, muitas vezes as peças Premium tinham um preço muito maior do que peças vendidas em locais mais populares. Porém, com a popularização das carnes nobres e a mudança do paladar do churrasqueiro brasileiro, hoje é possível comer bem e ter um churrasco diferente, gastando um valor justo e não exorbitantemente acima do que se gasta em produtos convencionais.

  1. Carnes nobres são mais gostosas do que os cortes normais – VERDADE

De fato, peças Premium possuem uma qualidade superior do que os vendidos em locais populares. Isso se explica por diversos motivos, tais como espécie e criação dos bois, nível de marmoreio, conservação, procedência e até mesmo forma que são embaladas. Todos esses elementos influenciam diretamente no sabor do produto, assim como na experiência gastronômica que ele oferece para o consumidor.

  1. Cortes Premium são todos do tipo bovino – MITO

Uma coisa é dizer que a maioria das carnes nobres são derivadas do boi. Outra coisa é falar que todas vêm do mesmo animal. É possível ter outras peças nobres de animais como cordeiro (paletas, carrés, filet mignon, lombos e picanha) e de porco (lombo, costela e picanha), assim como linguiças artesanais derivados desses animais, que possuem menos gordura e muito mais sabor.

  1. Bois que produzem carnes nobres são diferentes – VERDADE

Normalmente, as espécies de bois que geram produtos Premium ficam concentradas em raças como Angus, Wagyu, Brangus e Hereford. Já no Brasil, por exemplo, a espécie de maior popularidade e que domina os açougues convencionais é derivada do gado Zebu, como o boi Nelore.

  1. Nível de marmoreio é superior – VERDADE

Normalmente, carnes nobres possuem um nível de gordura entremeada (marmoreio) muito superior aos produtos convencionais. Enquanto peças comuns possuem grau de marmoreio entre 1 e 2, o que é considerado ruim, os cortes Premium variam de 3 a 12, o que configura avaliações de bom para excelente. Isso reflete diretamente no corte que, depois de pronto, possui sabor, maciez, textura e aroma fora do comum!

  1. Toda carne nobre é estrangeira – MITO

Não é bem assim. De fato, as espécies que geram esses produtos são estrangeiras, de países como Inglaterra, Escócia, Japão etc. Mas isso não quer dizer que as carnes são importadas. Por exemplo, o Wagyu, que é uma raça de origem japonesa, é criado no Brasil há algum tempo, produz peças para consumo nacional e abastece frigoríficos especializados.

 

Todo churrasqueiro de verdade, no final das contas, possui duas grandes paixões: comer bem e oferecer um churrasco sensacional para seus convidados. Por esse motivo, as carnes nobres conseguem quebrar paradigmas e elevar o nível dos churrascos.

Saiba como a Sociedade da Carne pode te ajudar a chegar nesse patamar clicando neste link.

Comentários

comentários

Um comentário em “Carnes nobres: conheça 7 mitos e verdades sobre os melhores cortes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *